Skip to main content
Capa do Evento MEIO SÉCULO DEPOIS DE ABRIL. A REVOLUÇÃO NO ESPAÇO ATLÂNTICO. Congresso Comemorativo do 50.º aniversário do 25 de Abril

Celebrar o 50.º aniversário da Revolução do 25 de Abril de 1974 significa evocar um marcante movimento e processo de viragem na História de Portugal. Abriu-se o caminho para a democracia, para o desenvolvimento e a descolonização. Os arquipélagos atlânticos transformaram-se em regiões autónomas e o país almejou e conquistou um lugar na União Europeia. A sociedade portuguesa modernizou-se, a educação progrediu e tornou-se universal, a par de uma maior oferta e diversidade no campo cultural. Abril mudou as estruturas de pensamento, cunhou novas mentalidades e as gerações que integram e compõem o Portugal contemporâneo.

Cinco décadas depois, são múltiplas as razões para comemorar as conquistas de Abril, para refletir e debater o presente e perspetivar o futuro. Abril ontem, hoje e amanhã é o mote deste congresso que incidirá sobre o todo nacional, com relevo para os arquipélagos e ainda para as repercussões da Revolução dos Cravos na Europa e no Mundo Atlântico.

O evento desenrolar-se-á durante 3 dias, com conferências e sessões organizadas segundo diferentes painéis temáticos. As propostas de comunicação deverão incluir o nome do(s) autor(es) com a afiliação institucional, a indicação do painel, título, resumo (até 350 palavras) e palavras-chave (máximo 6). Em anexo, deverá ser enviada uma pequena nota biográfica (até 300 palavras). Todas as propostas devem ser enviadas para cham.secretariado@uac.pt com o assunto: Congresso Comemorativo do 50.º aniversário do 25 de Abril (Açores).

 

O prazo limite é até 31 de março, com a possibilidade de ser alargado até ao dia 15 de abril. Para mais informações consultar: https://cham.fcsh.unl.pt/

#50anos25abril